sábado, 6 de novembro de 2010

Mantinha em crochet


Gosto de fazer crochet e tricot, dá para distrair e relaxar. Aproveitam-se algumas lãs e fazem-se uns trabalhinhos!

Está a aproximar-se o Inverno e nada melhor que uma mantinha quentinha...

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Doce de Tomate


Uma amiga ofereceu-me uma quantidade generosa de tomate e daí experimentei fazer doce.
"Volta e meia" faço uns docinhos caseiros porque o maridão é muito guloso.
Antes de ter feito este, fiz doce de melão que estava uma delícia. Tirei a receita da net e voilá! Muito bom de facto.
Foi a primeira vez que fiz este doce e ficou muito bom, diz o expert... e provador de serviço cá de casa.
As quantidades que usei foras as seguintes:
2 Kgs de tomate
1 Kg de Açúcar amarelo
1 dl de Vinho do Porto
3 paus de canela.
Fiz assim:
Lavei o tomate, descasquei e cortei em pedaços pequenos, deixei escorrer durante 3 ou 4 horas, para tirar um pouco da muita água que o tomate contém.
Pus numa panela juntamente com o açúcar e foi ao lume.
Quando levantou fervura juntei os paus de canela, o Vinho do Porto e ferveu, ferveu...
Quando o volume ficou reduzido a metade triturei um pouco com a varinha mágica, mas primeiro tirei o pau de canela, e ferveu mais uns 5 ou 10 minutos.
Coloquei em frascos, ainda em quente e virei-os com a tampa para baixo.
E pronto, já está, agora é só saborear.
O próximo doce que farei será de abóbora, à moda da minha mãe e da minha avó...com segredo!

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

FILHOS BRILHANTES ALUNOS FASCINANTES

Bons filhos conhecem o prefácio da história de seus pais Filhos brilhantes vão muito mais longe, conhecem os capítulos mais importantes das suas vidas.

Bons jovens se preparam para o sucesso. Jovens brilhantes se preparam para as derrotas. Eles sabem que a vida é um contrato de risco e que não há caminhos sem acidentes.

Bons jovens têm sonhos ou disciplina. Jovens brilhantes têm sonhos e disciplina. Pois sonhos sem disciplina produzem pessoas frustradas, que nunca transformam seus sonhos em realidade, e disciplina sem sonhos produz servos, pessoas que executam ordens, que fazem tudo automaticamente e sem pensar.

Bons alunos escondem certas intenções, mas alunos fascinantes são transparentes. Eles sabem que quem não é fiel à sua consciência tem uma dívida impagável consigo mesmo. Não querem, como alguns políticos, o sucesso a qualquer preço. Só querem o sucesso conquistado com suor, inteligência e transparência. Pois sabem que é melhor a verdade que dói do que a mentira que produz falso alívio. A grandeza de um ser humano não está no quanto ele sabe mas no quanto ele tem consciência que não sabe.

O destino não é frequentemente inevitável, mas uma questão de escolha. Quem faz escolha, escreve sua própria história, constrói seus próprios caminhos.

Os sonhos não determinam o lugar onde vocês vão chegar, mas produzem a força necessária para tirá-los do lugar em que vocês estão. Sonhem com as estrelas para que vocês possam pisar pelo menos na Lua. Sonhem com a Lua para que vocês possam pisar pelo menos nos altos montes. Sonhem com os altos montes para que vocês possam ter dignidade quando atravessarem os vales das perdas e das frustrações. Bons alunos aprendem a matemática numérica, alunos fascinantes vão além, aprendem a matemática da emoção, que não tem conta exata e que rompe a regra da lógica. Nessa matemática você só aprende a multiplicar quando aprende a dividir, só consegue ganhar quando aprende a perder, só consegue receber, quando aprende a se doar.

Uma pessoa inteligente aprende com os seus erros, uma pessoa sábia vai além, aprende com os erros dos outros, pois é uma grande observadora.

Procurem um grande amor na vida e cultivem-no. Pois, sem amor, a vida se torna um rio sem nascente, um mar sem ondas, uma história sem aventura! Mas, nunca esqueçam, em primeiro lugar tenham um caso de amor consigo mesmos.

Augusto Cury

sábado, 12 de junho de 2010

Chuva... Onde está o sol e o calor???



Enfim... será que a chuva não nos deixa? O Verão quase a chegar e a chuva demora a nos deixar.
Para a semana vamos de férias e será que temos que levar os guarda-chuva?
O clima anda mesmo "avariado", chove quando deve fazer sol e calor, está tempo de Verão em dias de Inverno... o que se passa?
Será que é obra o Homem? Ou será um mero capricho da Natureza?

quinta-feira, 10 de junho de 2010

Mudança de Visual

Será que é desta vez que acertei no visual do meu blog?
Depois de tantas mudanças, penso que fiz uma boa escolha.
Agora só falta dedicar-me mais um pouco ao JUST ME, que anda um pouco esquecido.
Mas enfim faz-se o que se pode... :(

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

Carnaval


O Carnaval é um período de festas regidas pelo ano lunar no Cristianismo da Idade Média. O período do Carnaval era marcado pelo "adeus à carne" ou "carne de segunda" dando origem ao termo "Carnaval". Durante o período do Carnaval havia uma grande concentração de festejos populares. Cada cidade brincava a seu modo, de acordo com seus costumes.
A festa carnavalesca surgiu a partir da implantação, no século XI, da Semana Santa pela Igreja Católica, antecedida por quarenta dias de jejum, a Quaresma. Esse longo período de privações acabaria por incentivar a reunião de diversas festividades nos dias que antecediam a Quarta-feira de Cinzas, o primeiro dia da Quaresma. A palavra "carnaval" está, desse modo, relacionada com a idéia de "afastamento" dos prazeres da carne marcado pela expressão "carne vale", que, acabou por formar a palavra "carnaval".
Ler mais...

(imagem retirada da Internet)

sábado, 23 de janeiro de 2010

I don't believe you


I don't mind it
I don't mind at all
It's like you're a swingset, and I'm the kid that falls
It's like the way we fight, the times I cry, we come to blows
And every night, the passion's there, so it's gotta be right, right?

No, I don't believe you
When you say don't come around here no more
I won't remind you
You said we wouldn't be apart
No, I don't believe you
When you say you don't need me anymore
So don't pretend to
Not love me at all

I don't mind it
I still don't mind at all
It's like one of those bad dreams
When you can't wake up
Looks like You've given up, you've had enough
But I want more, no I won't stop
Cause I just know you'll come around, right?

No, I don't believe you
When you say don't come around here no more
I won't remind you
You said we wouldn't be apart
No, I don't believe you
When you say you don't need me anymore
So don't pretend to
Not love me at all

Just don't stand there and watch me fall
Cause I, cause I still don't mind it at all

It's like the way we fight, the times I cry, we come to blows
And every night, the passion's there, so it's gotta be right, right?

No, I don't believe you
When you say don't come around here no more
I won't remind you
You said we wouldn't be apart
No, I don't believe you
When you say you don't need me anymore
So don't pretend to
Not love me at all
Cause I don't believe you

sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

Everything - Michael Bublé



You're a falling star, you're the get away car
You're the line in the sand when I go too far
You're the swimming pool on an August day
And you're the perfect thing to say

And you play it coy, but it's kind cute
Ah, when you smile at me you know exactly what you do
Baby, don't pretend that you don't know it's true
Cause you can see it when I look at you

And in this crazy life, and through these crazy times
It's you, it's you, you make me sing
You're every line, you're every word, you're everything

You're a carousel, you're a wishing well
And you light me up, when you ring my bell
You're a mystery, you're from outerspace
You're every minute of my everyday

And I can't believe, uh that I'm your man
And I get to kiss you baby just because I can
Whatever comes our way, ah we'll see it through
And you know that's what our love can do

And in this crazy life, and through these crazy times
It's you, it's you, you make me sing
You're every line, you're every word, you're everything

So la la la la la la la
So la la la la la la la

And in this crazy life and through these crazy times
It's you, it's you, you make me sing
You're every line, you're every word, you're everything
You're every song, and I sing along
Cause you're my everything

Yeah, yeah

So la la la la la la la
So la la la la la la la la la la la